Rico Lins: uma gráfica de fronteira

23/06/2009 § 1 Comentário

brasil em cartaz

Recentemente fui ao Instituto Tomie Ohtake, sem a menor pretensão de ver alguma exposição, fui por puro ócio, coisa tão rara. Eis que me deparo com a presente exposição Rico Lins: uma gráfica de fronteira, que percorre a obra do homônimo designer gráfico brasileiro.

Já fazem uns bons anos que eu tive o contato inicial com a obra de Rico Lins, foi na época em que eu assisti uma palestra que ele deu no SENAI Theobaldo de Nigris. Lembro-me que fiquei um tanto quanto impressionado com a personalidade de seus cartazes, mas por algum motivo desconhecido nunca fui pesquisar mais além. E agora, temos a chance de visitar grande parte dos trabalhos já realizados.

dois cartazes da jazz sinfonica

A mostra, que está bem organizada e distribuída, se divide em três salas e logo em três “temáticas”. É importante relevar a intenção autoral do Rico Lins, ou seja, mesmo combinar a liberdade da criação com a solicitação dos clientes. Vemos com amostras do real, que ele conseguiu e se fez nessa condição. Na primeira, residem os esboços, as anotações e estudos, é intrigante ver o contraste do momento da criação e da obra já finalizada.

Nesta primeira sala também são exibidos diversos vídeos sob sua autoria. Embora interessantes quando postos nesse “panorama”, eles não trazem a mesma força dos cartazes, onde está o primor desse designer. Estes que estão expostos na segunda sala, junto com algumas outras peças, fazem gritar o espírito e toda a força de Rico Lins. Fique de olho na série da Jazz Sinfônica, é realmente impressionante e outras palavras não cabem para descrever. Por fim, há a terceira sala, que depois dos cartazes, fica “fraca”. Lá estão expostas outras peças gráficas, que continuam mostrando sua personalidade e inventividade, mesmo em outros formatos e com outros objetivos.

Pra finalizar, de maneira bem rápida e objetivo, eu digo: se você não foi a exposição ou não conhece o Rico Lins, corra! =)

Rico Lins

Rico Lins: uma gráfica de fronteira
Onde: Instituto Tomie Ohtake (entrada gratuita!)
Até 12/07/2009

_

P.S.: no folder diz que haverá uma oficina no sábado, dia 11/07! Liguem e peguem informações no telefone (11) 2245-1937. CORRÂO!

Anúncios

Tagged: , , , , , , , , ,

§ One Response to Rico Lins: uma gráfica de fronteira

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

What’s this?

You are currently reading Rico Lins: uma gráfica de fronteira at interessa?.

meta

%d bloggers like this: